setembro 07, 2005

Bush rejeitou o oferecimento de Cuba de enviar aos Estados Unidos 1.600 médicos para ajudar as vítimas do furacão Katrina.
Segundo o porta-voz da Casa Branca, Scott McClellan, o que o governo americano realmente quer é que o presidente cubano Fidel Castro "ofereça liberdade a sua gente".
Ninguém acredita em um mentiroso, mesmo quando ele diz a verdade. (Cícero)

Nenhum comentário: