outubro 28, 2006

o circo multimídia da TV Globo

A TV Globo conseguiu transformar o Debate num Circo Multimídia: telão, painel digital e picadeiro.

A presença de eleitores foi uma novidade bem vinda.

Lamento que suas perguntas tenham passado pela seleção da produção do programa.

Creio que as melhores ficaram de fora!

As perguntas deveriam ser sorteadas na hora, para dar mais animação ao debate.

As respostas dos candidatos não foram diferentes das apresentadas em debates anteriores.

O tempo para perguntas, respostas, réplicas e tréplicas é muito curto. Os argumentos ficam incompletos.

Bonner era um misto de mestre-de-cerimônia, domador e estátua de cera.

Os candidatos pareciam desconfortáveis, andando de um lado para outro, aguardando sua ‘performance’. Lembravam bichos enjaulados...

O clima agradável foi proporcionado por Lula ao se dirigir ao Adversário, chegando a tocar-lhe no braço algumas vezes.

Alckmin muito se esforçou para ser simpático, criar empatia com o público, mas não perdeu o jeitão de seminarista tímido.

Tal debate nada acrescentou à Campanha Eleitoral.

Os indecisos selecionados tiveram a oportunidade de passar um dia agradável e chegarão a uma decisão: o Rio de Janeiro continua lindo!

Um comentário:

Ferraro disse...

Concordo. Se as perguntas fossem sorteadas ou melhor qualificadas, como descritas no outro post, a coisa seria muito mais dinâmica.
Ainda sonho com um tipo de debate, em que os candidatos não possam fugir ou engambelar uma resposta. Aí sim, teremos um retrato real de potencial de cada um.