maio 02, 2015

Gentileza gera Gentileza ... nem sempre!

Na fila de pegar o pão, ao terminar de ensacar meus douradinhos passei a pinça á pessoa atrás de mim - delicadeza que faço sempre nestas circunstâncias - porém essa pessoa 'arrancou' o instrumento de minha mão ... nem agradeceu meu gesto. eu simplesmente disse: - de nada! 

Obs. a pessoa não era jovem, sem chance de mudar de comportamento